Morreu o empresário Pedro Queiroz Pereira

Pedro Queiroz Pereira, dono da Navigator e da Secil e um dos homens mais ricos do país, morreu aos 69 anos.

Com uma fortuna avaliada em 179 milhões de euros era o sétimo homem mais rico de Portugal, de acordo com o Diário de Notícias.

Nasceu a 5 de março de 1949, em Lisboa, filho de Manuel e Maud Queiroz Pereira. Recebeu educação no Colégio Militar e mais tarde frequentou o Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Lisboa. Foi casado com Maria Rita Mendes de Almeida, que morreu, em novembro de 2014, aos 63 anos. Da união nasceram três filhas, Filipa, Mafalda e Lua, as herdeiras do grupo empresarial e todas já com participação ativa na gestão das empresas.

Muitos reconhecem Pedro Queiroz Pereira pelo nome de PêQuêPê. Foi assim que ficou conhecido no automobilismo, uma das suas grandes paixões. Participou em dezenas de provas, no Brasil e em Portugal, sobretudo nos campeonatos de velocidade em circuitos. Como passou parte da década de 1980 no Brasil criou amizade com Ayrton Senna, o mítico piloto de Fórmula 1.

Leia o artigo completo em Diário de Notícias.