Louis Vuitton lidera ranking das marcas de luxo mais valiosas do mundo

A Louis Vuitton é a marca de luxo que lidera o ranking das marcas mais valiosas do mundo, estando avaliada em 41.138 milhões de dólares, ou seja, cerca de 35 milhões de euros. A conclusão é de um estudo levado a cabo pela BrandZ, um banco de dados que detém informações de mais de 650 mil consumidores e profissionais de 31 países, comparando mais de 23.000 marcas.

No que toca à Europa, as marcas de luxo estão a crescer cada vez mais. Em 2017, o setor tinha crescido apenas 4%. Este ano, a subida foi de 28%. No top 10 europeu, surgem as três marcas de luxo: as francesas Louis Vuitton e Hermès e a italiana Gucci. No ranking estão ainda duas marcas de carros alemãs são de luxo – a Mercedes e BMW.

«As marcas do setor do luxo aumentaram o valor da marca: a Gucci subiu 66 por cento, a Louis Vuitton, 41 por cento, e a Hermès subiu 20 por cento», revela o estudo que explica as subidas pela forte economia global, e pelo facto de as marcas captarem «o espírito dos tempos»: «os desenhos ousados ​​e cores oferecidos pela Gucci», são um dos exemplos. No setor automóvel, as marcas responderam «acrescentando versões de luxo dos SUVs, o veículo mais popular entre os consumidores», revela o estudo.

Olhando para o ranking geral, as marcas de luxo tiveram um aumento de 28%. A Louis Vuitton ocupa a 26.ª posição, com uma subida de três lugares face a 2017. A Hermès, avaliada em 24 milhões de euros, surge na 39.ª, tendo subido duas posições. Segue-se a Gucci, na 54.ª posição. A marca italiana avaliada em 18 milhões de euros subiu 26 lugares, ficando no 6.º posto no que toca às maiores subidas.

«A definição de luxo expandiu-se, os consumidores mais jovens descobriram as marcas de nicho e os mais velhos continuam a procurar os tradicionais produtos de luxo», conclui o estudo.

Percorra a galeria de imagens acima para conhecer o ranking.