A história de um cavalo que é mais caro do que um Ferrari

Vale mais de um milhão de euros e chama-se Lúcido da Figueira. No Brasil, há um cavalo que vale mais do que um Ferrari e que este fim-de-semana foi destaque, durante a 37.ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador, em Belo Horizonte.

O cavalo venceu as categorias Marchador Ideal, Convencional Cavalo Jovem e Campeão da Raça Cavalo Jovem Maior, durante a exposição que acolheu mais de 220 mil pessoas.

Com apenas cinco anos, o animal tem uma equipa só para ele. Depois da exposição foi escoltado por tratadores e veterinário. «São oito pessoas no total», disse o criador Antônio Santos Silva ao site da Globo. Ainda assim acrescenta o dono da fazenda Haras Figueira, que fica em Novo Hamburgo (Rio Grande do Sul), em modo de brincadeira, que apesar do valor «é um cavalo bem humilde».

Avaliado em mais de 1 milhão de euros, o cavalo é mais caro do que o modelo 812 Superfast da Ferrari, revela o mesmo site. No Brasil, o carro está à venda por 4,2 milhões de reais, ou seja, 900 mil euros.

Este é o mais potente já produzido pela marca, diz o site, alcançando os 100 km/h em 2,9 segundos. O automóvel tem um motor de 800 cavalos de potência e ainda assim é mais barato do que Lúcido da Figueira.