A nova vida do restaurante Tavares Rico

O restaurante Tavares, conhecido por Tavares Rico, passa a fazer parte do leque de restaurantes do grupo Multifood, que adquiriu a histórica casa lisboeta, fundada em 1784.

Texto de Tiago Guilherme/ Evasões

O restaurante vai continuar a funcionar, agora com o grupo Multifood a assegurar toda a operação do espaço, mantendo os fornecedores e a equipa residente, assim como o menu e horários vigentes. Mas, de acordo com fonte próxima do processo, o Tavares será revitalizado e ganhará nova vida a curto prazo.

O Tavares é dos restaurantes mais antigos da Europa, tendo aberto portas em 1784, como café. Ganhou este nome em 1823 quando os excêntricos irmãos Tavares tomaram conta do negócio. Foram Vicente Marques Caldeira e o seu filho Manuel Caldeira que transformaram o Tavares num dos restaurantes mais exclusivos e luxuosos da Europa, em 1861. A talha dourada, os vitrais, os lustres de cristal, os motivos rococó, os estilos belle époque e art nouveau, fazem deste espaço um símbolo arquitetónico de Lisboa, que é um Imóvel Classificado e está integrado numa Zona Especial de Proteção.

Uma das grandes figuras do restaurante foi Fernando Lopes, que começou como ajudante de empregado de mesa e acabaria por se tornar o seu proprietário entre 1973 e 2002. Sob o comando do chef José Avillez, o Tavares recebe a sua primeira estrela Michelin em 2009.