Marca propõe subida ao Kilimanjaro para provar gelado mais caro do mundo

O desafio é lançado pelo site da Three Twins Ice Cream, uma marca de gelados orgânicos sedeada em Petaluma, na Califórnia. Por mais de 51 mil euros é possível viajar até ao pico mais alto de África, o Monte Kilimanjaro, onde o fundador da empresa, Neal Gottlieb, preparará gelados com gelo glaciar oriundo exatamente do cume da montanha localizada no norte da Tanzânia.

Com as alterações climáticas, prevê-se que o gelo das montanhas desapareça nos próximos 10 a 15 anos. E talvez esse fator tenha despoletado a ideia da Three Twins Ice Cream. Ao comprar esta experiência, a empresa faz uma doação a uma ONG ambiental africana.

O preço do gelado inclui ainda uma passagem aérea em primeira classe para a Tanzânia, estadia num hotel de cinco estrelas, uma subida à montanha com guia, um rodízio de gelado – portanto é comer até cair, salvo seja – e uma camisola feita de algodão orgânico como souvenir.

Mas o site da marca fundada em 2005 sugere outras aventuras dispendiosas, como por exemplo desfrutar de um banana split com um xarope de três vinhos de sobremesa raros: um vinho vintage dos anos 1960, um Chateau D’Y e um alemão Trockenbeerenausiese). A experiência custa mais de 2.800 euros e o gelado é servido numa colher datada de 1850, enquanto se assiste ao solo de um violoncelista.