Icónico avião britânico dá volta ao mundo com o apoio da IWC

Está tudo a postos para o início da volta ao mundo. Um Spitfire – uma aeronave, construída em 1943, e agora restaurada com um acabamento prata cromado – vai descolar de Londres, no próximo ano, para iniciar uma circum-navegação de 43.000 quilómetros durante vários meses, passando por cerca de 30 países ao longo da sua rota. A expedição «Silver Spitfire – The Longest Flight» conta com o patrocínio da IWC Schaffhausen.

A IWC inicia assim uma relação de longo prazo com a primeira academia oficial de voo Spitfire. A circum-navegação tem como objetivo homenagear o design e engenharia do icónico avião britânico. A expedição foi idealizada por Steve Boultbee-Brooks e Matt Jones, fundadores da Boultbee Flight Academy, situada em Goodwood Estate, Sul da Inglaterra.

A IWC, que conta com mais de 80 anos na manufatura de relógios Pilot, já homenageou o avião Spitfire com diversas edições especiais. «Mais que qualquer outra aeronave, o Spitfire simboliza o sonho humano de voar. É uma obra-prima da engenharia, que nasceu à frente do seu tempo e continua a encantar com o seu design inconfundível. Fomos imediatamente conquistados pela ambiciosa ideia de voar com essa aeronave ao redor do planeta e estamos empolgados em poder ajudar nesta aventura durante todo o percurso», explicou Christoph Grainger-Herr, CEO da IWC Schaffhausen.

Ao mesmo tempo, a IWC anuncia uma longa parceria com a Boultbee Flight Academy. A instituição, fundada pelos pilotos Steve Boultbee-Brooks e Matt Jones, é a primeira do mundo oficialmente reconhecida como uma academia de voo Spitfire. «A IWC Schaffhausen compartilha a nossa paixão pela aviação e a nossa admiração pelo Spitfire. Sabemos que encontrámos o parceiro perfeito para tornar realidade o nosso plano de voar ao redor do mundo,» explica Matt Jones.