Emirates lança canais de televisão exclusivos que deixam água na boca

São cerca de 110 milhões as refeições que a Emirates serve por ano. A companhia lança agora dois canais de televisão exclusivos para os passageiros: o Food Channel e o Wine Channel. O objetivo é partilhar com quem viaja na Emirates como são criados os menus e como esta trabalha com os seus parceiros globais.

O Food Channel mostra todos os detalhes referentes à elaboração dos menus pelos chefs da Emirates, bem como o fornecimento dos ingredientes para as refeições a bordo.

Estes canais dão uma visão do investimento, de cerca de 700 milhões de dólares, que a Emirates faz em vinho e nos seus menus regionais e sazonais, preparados por chefs de renome. Os dois canais podem agora ser vistos em todos os voos.

Cada episódio aborda como a companhia aérea traz os produtos a bordo através das suas parcerias, incluindo fornecedores e artesãos locais. Os dois primeiros episódios levam o espectador a Úmbria, em Itália, onde a Emirates compra o azeite do Monte Vibiano e ao Sri Lanka para verem como o chá Dilmah é selecionado para ser servido a bordo.

Os episódios também mostram algumas receitas dos menus a bordo, inspirados na região, para que os passageiros possam recriar o Prawn Machbous, assinatura da Emirates, ou aprender a fazer um clássico crepe em casa. Todas as receitas também podem ser encontradas no site da Emirates. O Food Channel foi lançado com dois episódios e serão adicionados mais no próximo ano.

“Temos um grande cuidado na apresentação aos nossos passageiros, em todas as classes, para que lhes proporcionemos a melhor experiência gastronómica. Temos em conta uma série de detalhes para preparar as refeições e escolher os vinhos. Os canais permitem aos espetadores perceber a nossa filosofia no que diz respeito aos alimentos e bebidas, à estratégia de catering e ao modo como trabalhamos com os nossos parceiros. Além disso, os nossos tutoriais e receitas dão aos nossos passageiros algo interessante para ‘levar para casa’ com eles”, referiu Joost Heymeijer, vice-presidente sénior do Catering da Emirates.

“Por isso, se o passageiro está a desfrutar de um bom vinho a bordo, como o Château Haut Brion 2004, existe um tutorial de acompanhamento de vinhos para o ajudar a apreciar e a entender as suas nuances e o que o torna único. Do mesmo modo, se o passageiro gostou, por exemplo, das costeletas de porco estufadas servidas no seu voo e quiser recriá-las em casa, temos também essa receita no Food Channel”, acrescentou.

O Wine Channel inclui um documentário sobre a estratégia de compra de vinhos da Emirates e as relações diretas que criou com os produtores de vinho do mundo para adquirir alguns dos vintages mais exclusivos.

A Emirates investiu, nos últimos 10 anos, numa seleção rigorosa de vinhos na sua adega. Todos os dias, a companhia serve mais de 80 tipos de vinho, champanhe e vinho do Porto em toda a sua rede.

Foram também introduzidos uma série de tutoriais sobre vinho no canal. Oliver Dixon, responsável pela Fine Wine da MMI (uma empresa do Grupo Emirates) e parte da equipa de compras de vinho da Emirates, leva o espetador através de uma degustação, dando informação sobre a história do produtor e os elementos que dão sabor a cada vinho. Atualmente, existem 10 episódios neste sistema de entretenimento, mas brevemente serão adicionados mais tutoriais sobre vinhos.