E se lhe oferecessem um vinho azul?

Depois do Gik, o primeiro vinho azul do mundo, e que chegou a Portugal em 2016, eis que, nasce um novo cálice da cor do mar.

Chama-se Vindigo, é um Chardonnay com sabor frutado e exibe uma cor índigo que resulta de um pigmento natural encontrado na pele da uva chamada antocianina.

Também o Vindigo é produzido na Espanha, embora tenha sido criado por um francês. De acordo com o empresário René Le Bail, a bebida «tem um sabor frutado, com elementos de cereja, maracujá e amora».

Com 11% de álcool, diz o criador, é uma bebida ideal para refeições com frutos do mar e ostras.

A moda dos vinhos azuis está a pegar. Depois de Gik, surgiu o Blumond e hoje em dia há várias opções diferentes, incluindo o Blanc de Bleu Cuvee Mousseux e o Marqués de Alcántara Blue Chardonnay.