Nove artistas desenham joias inspiradas no MAAT

Kathia Bucho é a primeira artista a ocupar a montra da loja do MAAT com as suas jóias. A alternância entre os vários artistas dá-se de dois em dois meses. (Fotografia Pedro Pina - Fundação EDP)

Nove autores de joalharia portuguesa desenharam uma coleção exclusiva inspirada na arquitetura do MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia. A iniciativa, que se chama “Portuguese Jewellery X MAAT Special Edition” é feita em parceria com o museu e a Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal e o museu.

Com diferentes áreas de formação, do design à arquitetura, das ciências exatas às humanas, uma nova geração de criadores encontra na joalharia portuguesa a sua área de expressão criativa, trazendo novas perspetivas e uma renovada abordagem artística a uma arte de grande tradição no país.

Trabalho da artista Ana Pina (Fotografia Pedro Pina – Fundação EDP)

A coleção representa a visão de cada um dos nove criadores sobre o edifício do MAAT – um projeto da arquiteta britânica Amanda Levete, que foi já distinguido a nível internacional por prémios como Best Museum Architecture of the Year e o Best of Best Iconic Awards 2017.

A“Portuguese Jewellery X MAAT Special Edition” encontra-se à venda na loja do MAAT. Os mesmos designers integram a loja do Museu, pelo período de dois meses, em formato rotativo. Atualmente é Kathia Bucho que ocupa a montra dedicada à iniciativa.