Morreu o francês Joël Robuchon, o chef com mais estrelas Michelin

Joël Robuchon recebeu o título de «chef do século» pelo guia de cozinha Gault et Millau. (Fotografia: François Guillot/AFP/Getty Images)

Joël Robuchon, um dos nomes mais aclamados da cozinha francesa e o maior detentor de estrelas Michelin, morreu aos 73 anos vítima de um cancro.

Texto de Nuno Cardoso/ Evasões

O homem que era considerado um dos mais influentes chefs franceses e que detinha o maior número de estrelas Michelin – 32 ao todo – morreu esta segunda-feira vítima na sequência de uma longa luta contra um cancro, aos 73 anos.

Foi o jornal «Le Figaro» a avançar com esta informação e a acrescentar que Joël Robuchon morreu em Genebra, segundo relato de alguns dos seus funcionários.

Leia o artigo completo em Evasões.